Buscar

Conheça os detalhes do EMPREGO VERDE AMARELO e a Redução de Impostos.

Emprego Verde Amarelo incentiva contratação de jovens entre 18 e 29 anos, com reduções de impostos previdenciários e de Fundo de Garantia.


Com Medida Provisória 905 de 11 Novembro de 2019, o Governo lança o Programa #VerdeAmarelo que de acordo com as estimativas deve beneficiar 4 milhões de pessoas em três anos.


Entre as várias ações está o Emprego Verde Amarelo, que incentiva a contratação de jovens entre 18 e 29 anos, acompanhe os principais pontos com perguntas e respostas.


A partir de quando posso contratar?

R. a partir de 01/2020 até 31/12/2022,


Qual o perfil do empregado?

R. Jovens de 18 a 29 anos, para fins de 1º emprego, exceção para (ex) aprendiz, intermitente, Avulso, contrato de experiência*;


Qual o Salário?

R. trabalhadores com salário-base mensal de até um salário-mínimo e meio nacional, hoje (R$ 1.497,00)


Quantos posso contratar?

R. limitada a 20% (vinte por cento) do total de empregados da empresa;


Recontratação, Desligados?

R. Não poderá recontratar no período de 180 dias contados da dispensa. (outros tipos de contrato);


Prazo do Contrato?

R. Será por prazo determinado, por até 24 meses, a critério do empregador;


Jornada de trabalho?

R. Conforme legislação 44h semanais 220 mensais, a MP não prevê jornadas diferenciadas, assim deve seguir o previsto em convenção coletiva da categoria para jornadas diferenciadas.


Direitos do Contrato Verde Amarelo?

R. Todos previsto em CF e CLT, Remuneração, Décimo terceiro, Férias, 1/3 de férias, pagos mensalmente, com opção de recolhimento mensal da multa do FGTS, semelhante ao que acontece com os empregados Domésticos;


Multa do FGTS?

R. Nesta modalidade de contrato a multa do FGTS é devida em qualquer tipo de desligamento, inclusive por justa causa, sendo o valor pela metade*.


Como fica a Convenção Coletiva?

R. Os direitos são garantidos, desde que não naquilo que não for contrário ao disposto na MP 905/2019.


Rescisão Contratual?

R. Só é devida a média mensal da remuneração do período trabalhado, uma vez que nesta modalidade o trabalhador recebe mensalmente Férias e 13º Salário junto com a remuneração,(semelhante ao trabalhador intermitente) caso o empregador não tenha optado pelo pagamento mensal da multa do FGTS (pela metade), está também será devida.*